Histórico da Diocese

 

No Dia 15 de Dezembro de 1763 o paulista Antonio Pires Pimentel e sua esposa D. Ignácia da Silva, por escritura lavrada, doaram à Igreja Católica o terreno em que foi construída a Capela de Nossa Senhora da Conceição, que, perto do morro do Lopo, na Serra da Mantiqueira, nas cercanias de Atibaia, deu origem ao povoado de Conceição do Jaguary. Em 17 de Outubro de 1797 torna-se vila e recebe o nome de Vila Nova Bragança e,  a 24 de Abril de 1856, elevada a cidade com nome de Bragança.



Em 24 de Julho de 1925, o Papa Pio XI, com a Bula Ad Sacram Petri Sedem, cria a Diocese de Bragança Paulista no Brasil. O seu território, em quase toda extensão, foi tirado da Arquidiocese de São Paulo e, em parte, da Diocese de Campinas, da qual Bragança Paulista Tornou-se Diocese Sufragânea em 1958 com a criação da Província de Campinas.

A Diocese de Bragança Paulista Situa-se ao norte da Região Metropolitana da Cidade de São Paulo e faz divisa com o estado de Minas Gerais pela Serra da Mantiqueira. Compreendendo 18 Municípios e 54 Paróquias, A Diocese tem 4.400 Km quadrados.



A Diocese teve como bispos:



- Dom José Mauricio da Rocha ( in memorian) Primeiro bispo diocesano 1927 – 1969

- Dom Gabriel Paulino Bueno Couto, Oc. (in memorian) 1968 a 1971

- Dom José Lafayette Ferreira Alvares (in memorian) 1971 a 1976

- Dom Antonio Pedro Misiara ( in memorian) 1977 a 1995

- Dom Bruno Gamberini (in memorian) 1995 a 2004

- Dom José Maria Pinheiro 2005 a 2009

- Dom Sergio Aparecido Colombo 2010