6 - CASAMENTO DOS PADRES?


vocesabia.jpg

Por que os Padres católicos não se casam? Assim haveria mais vocações e menos escândalos. A própria Bíblia o recomenda em I Tim 3,2: "É necessário que o bispo seja irrepreensível; que tenha casado com uma só mulher..."

RESPOSTA: S. Paulo não era casado. ( veja I Cor 7,8 ). Numa das suas cartas ele recomenda: "Sejam meus imitadores, como eu sou de Cristo". Escrevendo, pois, a Timóteo, que também era bispo celibatário, não lhe podia aconselhar casamento.


Porém, por falta de candidatos celibatários para a função episcopal ( naquela época! ), ele lhe recomenda escolher também homens casados - virtuosos. Daí na sua carta ( I Tim 3,2 ) ele não coloca acento nas palavras : "que seja casado"..., mas nas palavras:...com uma só mulher... - e não com duas ou três, mesmo que sucessivamente, - o que seria sinal de moleza e muita paixão, deixando pouco zelo e dedicação para Deus e as almas.


Em I Cor 7,32-33 S. Paulo apresenta os argumentos em favor do celibato: "O que está sem mulher, está cuidadoso das coisas que são do Senhor, como há de agradar a Deus. Mas o que está casado, está cuidadoso das coisas que são do mundo, como há de dar gosto à sua mulher".


A Igreja Católica reconhece que a exigência do celibato dos padres não é lei divina, mas de lei eclesial, que em circunstâncias especiais poderia ser abolida, mas opta pela maior perfeição, já que por este motivo os Apóstolos de Jesus deixaram a convivência matrimonial e familiar, para se dedicar inteiramente à propagação do Reino de Deus, - como consta de Lc 18,28-30: "Disse depois Pedro: "Eis que nós deixamos tudo que nos pertence para te seguir". Ele respondeu-lhes; "Em verdade vos digo, não há ninguém que tenha deixado casa, mulher, irmãos, pais ou filhos, por causa do reino de Deus, que não receba o múltiplo no tempo presente, e no século que há de vir, a vida eterna".


Assumindo livremente o celibato, o sacerdote imita a maneira de viver de Jesus - celibatário, - inteiramente dedicado às coisas do Pai e de seu Reino.


Fonte: Livrinho Pe. Vicente, SVD

#casamentodospadres

Posts em Destaque
Artigos mais recentes